Resumo Trabalho

IMAGENS E SALA DE AULA: UM ESTUDO BIBLIOGRÁFICO SOBRE A SUBJETIVIDADE DOS EDUCANDOS DE ESCOLAS PÚBLICAS NAS PESQUISAS DO NETEDU

Autor(es): DÉBORA DA FONSECA FIAUX AGUIAR, ADRIANE MATOS DE ARAUJO e orientado por CARMEN LÚCIA GUIMARÃES DE MATTOS

O presente trabalho possui como objetivo realizar reflexes preliminares sobre como as imagens geradas, principalmente, no mbito da sala de aula podem influenciar a subjetividade dos(as) alunos(as) de escolas pblicas e contribuir para o sucesso ou insucesso escolar. O que justificou a escolha do tema foi o que chamou a ateno da autora, que est no incio da graduao, ao ler as pesquisas realizadas pelo Ncleo de Etnografia em Educao NetEdu, no tocante a relao entre Imagem e Escola / Educao e o processo de excluso. A metodologia utilizada foi a pesquisa bibliogrfica, a anlise de mapas conceituais e o catlogo no software EndNote. Como resultado verificou-se que: o(a) educando(a) com problemas de indisciplina e que fracassa podia ser colocado(a) no ostracismo e ser expulso(a) da escola; a disposio da sala de aula favorecia o controle disciplinar ou modo avaliativo; a ironia dificultava a interao; alunos(as) estigmatizados(as) como incapazes passaram a acreditar que, de fato, no poderiam prosperar, alm da vulnerabilidade perante os Conselhos de Classe; algumas escolas no tm condies de proporcionar aos estudantes acesso e conhecimentos sobre as novas tecnologias; e que o(a) educando(a) tem a sua subjetividade influenciada por estigmas e esteretipos. Por fim, concluiu-se que as imagens geram marcas e criam significados que podem influenciar a subjetividade; que so necessrios investimentos nas instituies pblicas de ensino para que estas possam atingir suas finalidades sociais; e que a escola pblica considerada, por alguns estudantes e suas famlias, um instrumento que pode possibilitar a ascenso social.

Veja o artigo completo: PDF