Resumo Trabalho

EXTENSÃO UNIVERSITÁRIA E PRÁTICA DOCENTE: AS POSITIVIDADES DA ESCRITA E A RELAÇÃO COM A DEFICIÊNCIA

Autor(es): THAYNÁ SOUZA DA SILVA, ADRIANO R DE SOUZA, PIEDRO VICTOR GARCIA DA SILVA, NATANI BASTOS DA SILVA e orientado por GIOVANNA MARAFON

Este artigo tem como finalidade realizar uma discusso a respeito da metodologia da escrita em sua relao com a prtica docente. Nossa narrativa, enquanto estudantes de Pedagogia na Faculdade de Educao da Baixada Fluminense (FEBF/UERJ), em Duque de Caxias - RJ, apresenta a escrita em sua positividade, como oportunidade de reflexo sobre a prpria prtica e a formao docente no projeto de pesquisa e extenso intitulado: Encontros com Educadores na Baixada Fluminense: Dilogos a Respeito de Incluso e Mediao. Os encontros foram quinzenais, realizados no ano de 2017 com a participao de profissionais atuantes na rea educacional (estudantes, professores, mediadores, estagirios e bolsistas), que ocupam distintas atribuies no ambiente escolar e acadmico. A escrita foi utilizada como metodologia principal para produo de textos, discusses tericas e trocas de experincias, que proporcionaram reflexes sobre deficincia, incluso e mediao. A partir dos estudos da deficincia, o modelo social (DINIZ, 2012) foi tomado como referncia para os debates e para subsidiar outros modos de escrita, inclusive a nossa neste trabalho.

Veja o artigo completo: PDF