Resumo Trabalho

ENTRE O FORMAL E O NÃO-FORMAL – ESPAÇOS ONDE A EDUCAÇÃO POPULAR PODE (E DEVE) ATUAR. E, PARA COMEÇAR, PORQUE NÃO JÁ NA EDUCAÇÃO DE JOVENS E ADULTOS?

Autor(es): NOELIA RODRIGUES PEREIRA REGO

Este trabalho traz um pouco da trajetria da Educao de Jovens e Adultos no Brasil e suas imbricaes com a Educao Popular no bojo dos movimentos sociais. Objetiva-se problematizar estas duas vertentes ressaltando suas disparidades e congruncias. Como base destas reflexes temos um trabalho de investigao etnogrfica realizado numa escola de ensino pblico de EJA, localizada aos ps de uma favela da zona norte do Rio de Janeiro, fruto de nossa pesquisa de mestrado. Dentro desta esfera, procura-se ainda entender os conceitos de educao formal, no-formal e informal e o lugar ocupado pela EJA e a Educao Popular nestes espaos, bem como revendo questes de currculo, cujas falas e exclamaes desses alunos e alunas podem dizer em grande medida o que se espera por uma educao, de fato, emancipadora e plural. Eis o desafio que se coloca a quem se aventura a conjugar, em seus lugares de atuao, a EJA com a Educao Popular - ao nosso ver, essenciais num projeto de construo coletiva de uma outra sociedade - oportunidade em que as diferenas podem e devem ser ressaltadas, assim como desveladas as desigualdades e diversidades, que devem ser problematizadas no cotidiano de espaos formais, no-formais e informais de educao.

Veja o artigo completo: PDF