Resumo Trabalho

RELAÇÕES INTERPESSOAIS NA PRÁTICA PEDAGÓGICA: FOCO NA CONSTRUÇÃO DE APRENDIZAGENS SIGNIFICATIVAS

CLÁUDIA LUCIENE DE MELO SILVA

A discussão proposta neste artigo trata de analisar às implicações das relações interpessoais na prática pedagógica e na construção de aprendizagens significativas. A ênfase foi dada no papel das interações entre docentes e estudantes na promoção da aprendizagem significativa embasados por uma teoria da aprendizagem que possa subsidiar a prática pedagógica. Destacou-se assim, a teoria sócio-interacionista que enfatiza a importância da mediação pedagógica e das relações sociais na construção do conhecimento. Esta (mediação), por sua vez, para ocorrer efetivamente reque o estabelecimento de relações interpessoais promissoras entre docentes e estudantes. Justifica-se a importância desse estudo pela observação das dificuldades de consolidação da aprendizagem por questões relacionadas às dificuldades de convivência em sala de aula. Para tanto, foi adotada enquanto metodologia um estudo bibliográfico a partir da concepção de autores como Vygotsky, Dell Pretti e Dell Pretti, Parolin, Santos, Mocovici, Vasconcelos, entre outros. Considerou-se que a prática pedagógica que objetiva o favorecimento de aprendizagens significativas deve se fundamentada por uma teoria da aprendizagem que lhe dê suporte e pela ênfase nas relações interpessoais entre docentes e estudantes, pois quando construídas de forma satisfatória, estas últimas, favorecem ao estudante atribuir significados.

Veja o artigo completo: PDF