Resumo Trabalho

LITERATURA E SEXUALIDADE NA OBRA O ATENEU: UMA RELEXÃO À LUZ DA PSICANÁLISE ROSILENE FELIX MAMEDES (PPGL-UFPB) ROSILENEFMAMEDES@GMAIL.COM PROF DR. HERMANO DE FRANÇA RODRIGUES (UFPB) HERMANORG@G

ROSILENE FELIX MAMEDES

Resumo: Muito se tem discutido sobre as problemáticas que somos acometidos na adolescência, colocando–a como fase de transformações marcadas por ebulições hormonais, conflitos, mudanças biológicas e sociais. Até certo ponto, é contraditório pensarmos que outrora éramos apenas uma criança, sem obrigações e sem tantas responsabilidades, e de repente nos encontramos biologicamente ―estranhos‖, com formas alheias as que tínhamos, com sensações que até então as desconhecíamos. Como nos colocar diante de novos desejos e de novas estruturas sociais? Como não ser criança e nem adulto, uma vez que somos apenas adolescentes? É em meio a essas inquietudes que alicerçamos a proposta desse trabalho, iremos analisar a obra literária de O Ateneu, do autor Raul Pompéia, à luz da Psicanálise, que tem como protagonista o adolescente Sérgio que neste espaço acaba por vivenciar as intensas pulsões dessa fase de descoberta. Escolhemos o Ateneu como Corpus para nosso estudo, por entendermos, que esta é uma das obras literárias que mais se enquadram para analisarmos as descobertas sexuais e o erotismo em um ambiente de castração que impõe interditos, como é o caso de seminários para adolescentes.

Veja o artigo completo: PDF