Resumo Trabalho

DEFICIÊNCIA INTELECTUAL E FORMAÇÃO DE PROFESSORES: REFLETINDO SOBRE A PRÁTICA INCLUSIVA

HELENILDA DA SILVA

A Política Nacional de Educação Especial na Perspectiva da Educação Inclusiva (BRASIL, 2008), completa dez anos de sua implementação, durante este tempo os debates a respeito de “como fazer” esta inclusão se expandiram. Entretanto além do “como fazer”, é importante discutirmos também quanto a formação dos professores para atenderem estes estudantes e principalmente a concepção dos professores quanto a esta formação. Sendo assim este artigo teve como objetivo analisar a percepção de professores da Rede Pública de Recife, quanto à sua formação e prática educativa para com estudantes com deficiência intelectual. Para tal, utilizamos uma abordagem qualitativa, tendo como método para coleta de dados entrevista semiestruturada, os resultados mostraram que as professoras possuem práticas inclusivas e buscam formação continuada voltada para a inclusão por conta própria, e percebem a necessidade de um programa de formação continuada mais voltado para a inclusão.

Veja o artigo completo: PDF