Resumo Trabalho

ESTIGMA DA SURDEZ: UMA BARREIRA ATITUDINAL A SER VENCIDA NA PERSPECTIVA DA EDUCAÇÃO INCLUSIVA

MAYCON BRENO MACENA DA SILVA

Sabendo-se da importância da educação inclusiva para proporcionar um desenvolvimento igualitário, e das barreiras enfrentadas pela comunidade surda no ambiente acadêmico, este artigo teve como objetivo analisar o número de alunos surdos matriculados em uma instituição específica, Universidade Federal de Campina Grande (UFCG), e os possíveis benefícios da educação inclusiva para coletividade. Isso foi possível, a partir de uma revisão da literatura científica que trata sobre a inclusão de surdos e da análise quali-quantativamente de dados fornecidos pela Pró-Reitoria de ensino da UFCG. Dos resultados, nota-se que, a inserção na instituição, das pessoas com tal deficiência, vem evoluindo apesar do número pouco significativo de discentes e da forma como estão concentrados em um curso específico, o de Letras Libras. Faz-se necessário que as gestões das instituições de ensino superior repensem não só a estrutura das universidades, para melhor receber seus alunos e garantir sua permanência, como também a formação dos futuros educadores que buscam nesses espaços o conhecimento para que o estigma da surdez não se sobreponha ao sujeito e viole a sua dignidade.

Veja o artigo completo: PDF