Resumo Trabalho

INTERAÇÃO E AUTISMO EM SALA DE AULA REGULAR NA REDE MUNICIPAL DE ENSINO DE ITABERABA NA BAHIA

ARIOSVALDO NOVAIS SANTIAGO

Este estudo intitulada Interação e autismo em sala de aula regular, teve como objetivo analisar como acontece a interação entre uma professora e um aluno autista na turma do 2° ano do ensino regular da rede municipal de ensino do municipio de Itaberaba-BA. O estudo busca entender se/e de que forma ocorre a interação e identificar as estratégias utilizadas pela professora nesse processo. A condução deste estudo está embasada na problemática aqui formulada e conduzida como estudo de caso de cunho qualitativo, utilizando como instrumentos para recolha de dados a observação participante, a análise de documentos e entrevista aberta semi-estruturada, buscando identificar os fatores que contribuem para a ocorrência do fenômeno. A análise dos dados ocorreu através da: transcrição dos registros das observações participantes, da entrevista com a professora e da análise de documento da escola e do diagnóstico do aluno autista. Refletiu-se sobre o processo de interação professor-aluno e sobre as estratégias pedagógicas para a interação como educando autista em sala regular. Os resultados aqui obtidos permitiram concluir que a inclusão existente na escola estudada, não é diferente da maioria das escolas referenciadas, pois não garante qualidade de ensino a alunos com NEE, principalmente pela falta de oferta da formação especializada do docente. É bastante proveitosa a interação da professora com o aluno autista e deste com a classe. Foi possível perceber ainda, que o empenho da professora permite alcançar resultados gratificantes, já que o pesquisado apresenta um desenvolvimento significativo o que ficou constatado durante o estudo.

Veja o artigo completo: PDF