Resumo Trabalho

AS CONTRIBUIÇÕES DA PRÁTICA PSICOPEDAGÓGICA NO PROCESSO DE ENSINO-APRENDIZAGEM DA CRIANÇA COM DEFICIÊNCIA INTELECTUAL

FABRICIA ZANELATO BERTOLDE

O processo de inclusão do aluno com deficiência intelectual no ensino regular tem sido um tema mundial e amplamente discutido na área da educação no final do século XX e início do século XXI. No Brasil esse tema fortaleceu-se com a Declaração de Salamanca (1994), sendo um ganho para o movimento pela inclusão. As crianças com deficiência intelectual têm dificuldades graves tanto para aprender quanto de caráter geral, e isso requer o ajuste da educação observando as particularidades de cada aluno. Os ajustes em metodologia, nas atividades, nos materiais e nos agrupamentos flexíveis devem acontecer de acordo com a necessidade de cada aluno. Dessa forma, o objetivo desse estudo é analisar o contexto da inclusão escolar atual acreditando que o psicopedagogo pode ser um profissional que possa agregar conhecimento nesse processo, pois ele contribui com a escola no sentido de lidar com a diversidade, acrescentando novos valores, levando professores e alunos a acreditarem que todos são capazes de aprender. Tal levantamento teórico possibilitará aos profissionais da área da educação a desenvolverem um olhar crítico acerca da inclusão de alunos com deficiência, com o objetivo de conscientizar e refletir sobre a educação inclusiva. O resultado desta pesquisa é o de promover mudanças de paradigma no que se diz a respeito à aprendizagem do indivíduo com deficiência no contexto escolar regular. O aporte teórico para tal estudo teve como fonte; consultas livros, artigos científicos, leis e sites especializados que contribuíssem para a resposta aos objetivos propostos.

Veja o artigo completo: PDF