Resumo Trabalho

INCLUSÃO DO ALUNO COM TRANSTORNO DO ESPECTRO AUTISTA NA ESCOLA PÚBLICA

SAMIRA FONTES CARNEIRO

O presente trabalho decorre dos resultados de uma pesquisa que teve como principal objetivo discutir o processo de inclusão do aluno com Transtorno do Espectro Autista (TEA) na escola pública. Trata-se de um estudo de caso de caráter descritivo, numa perspectiva quanti-qualitativa, mediante aplicação de uma breve entrevista, composto por seis perguntas subjetivas de cunho pessoal e profissional, proposto aos pais do aluno com TEA e aos profissionais da escola entre eles: gestores, supervisor, professores da sala regular do aluno com TEA, professoras da sala de recursos multifuncionais e a professora auxiliar. As respostas dos questionários foram analisadas e associadas ao aporte teórico. A partir da pesquisa desenvolvida, percebemos que a inclusão do aluno com TEA na escola pública vem acontecendo, porém ainda apresenta algumas dificuldades e desafios, principalmente quanto à formação dos professores. Os profissionais da escola como também os pais do aluno com TEA destaca a atuação das professoras de Educação Especial para o processo de inclusão, acompanhamento e aprendizagem do aluno, bem como no apoio a equipe escolar e professores com relação a orientações e acessibilidade de materiais e atividades escolares. Portanto, compreendemos que o Atendimento Educacional Especializado (AEE) contribui para o processo de inclusão educacional dos estudantes com Necessidades Educacionais Especiais, entre eles para os alunos que apresentam TEA.

Veja o artigo completo: PDF