Resumo Trabalho

PERCEPÇÃO DE PROFESSORES DE UMA ESCOLA ESTADUAL NO MUNICÍPIO DE CAJAZEIRINHAS, PARAÍBA, SOBRE A EDUCAÇÃO AMBIENTAL E A EDUCAÇÃO INCLUSIVA

CYNTHIA ARIELLY ALVES DE SOUSA

A Educação Ambiental educa alunos para que sejam conscientes de sua responsabilidade com a conservação e preservação da natureza. O objetivo deste estudo foi avaliar a percepção dos professores do município de Cajazeirinhas, Paraíba sobre a Educação Ambiental para alunos com Necessidades Educacionais Especiais (NEE). Foram entrevistados 10 professores do ensino médio, por meio de um questionário constituído de 7 questões, destas, 2 discursivas e 5 afirmativas no modelo da escala de Likert. Os dados foram analisados de forma qualitativa e quantitativa, a partir de análise de conteúdo e estatística descritiva, respectivamente. Grande parte dos entrevistados afirmou não ter dificuldades em trabalhar a Educação Ambiental com os alunos com NEE (80,0%), porém, metade dos professores afirmou que envolvia pouco a Educação Ambiental com os alunos com NEE. Boa parte dos professores se considera pouco capacitado para trabalhar a Educação Ambiental com os alunos de forma interdisciplinar (40,0%), no entanto, a maioria dos professores nunca fez nenhum curso de capacitação na área ambiental. Todos os professores acreditam que é possível trabalhar a Educação Ambiental em todas as disciplinas e que a Educação Ambiental é importante para a formação dos alunos. Envolver a Educação Ambiental por meio da interdisciplinaridade com os alunos com NEE é importante para adquirir mudanças de atitudes com o meio ambiente, como também para o desenvolvimento social e para minimizar problemas ambientais.

Veja o artigo completo: PDF