Resumo Trabalho

CAMINHOS PARA CONSOLIDAÇÃO DA POLÍTICA DE EDUCAÇÃO ESPECIAL E INCLUSIVA NA ESCOLA: ANÁLISE DE UMA PROPOSTA DE TRABALHO PARA CRIAÇÃO DO NÚCLEO DE ACESSIBILIDADE E INCLUSÃO

JOSÈ BATISTA DE BARROS

Este trabalho tem como objetivo analisar uma proposta de criação de um núcleo de acessibilidade e inclusão numa escola pública do Recife, PE, com vistas a refletir a respeito de caminhos possíveis para consolidação da política de educação especial e inclusiva. Para tanto, analisa qualitativamente como essa escola, o Colégio de Aplicação da Universidade Federal de Pernambuco (CAp UFPE), prospecta a educação inclusiva em seu Projeto Pedagógico (PP), bem como que ações estruturais arquitetônicas e pedagógicas estão previstas no seu plano de ação para proporcionar a formação acadêmica e, sobretudo humana da pessoa com deficiência e/ou com necessidade educacional específica no espaço educativo. O estudo mostra que, o plano de ação elaborado projeta: A promoção de ações inclusivas nas interações sociais no Colégio de Aplicação; A revisão do currículo escolar na perspectiva da educação inclusiva para o atendimento dos alunos com deficiência(s); Ação-reflexão-ação da prática educativa vivenciada na inclusão de crianças e adolescentes com necessidades especiais; A consolidação da formação de docentes, servidores técnico-administrativos e gestores sobre educação inclusiva e, sobretudo especial; A melhoria das condições de trabalho para equipe técnica, pedagógica e de apoio no atendimento ao aluno com deficiência(s); A parceria da família dos alunos CAp no engajamento nas políticas de inclusão do Colégio; A oferta de uma educação especial de referência no âmbito das escolas públicas no Brasil, com a efetiva inclusão de crianças e adolescentes com deficiência na escola, garantindo-se o acesso e a permanência dessas no CAp.

Veja o artigo completo: PDF