Resumo Trabalho

LINGUAGENS ARTÍSTICAS E INCLUSÃO NA EDUCAÇÃO INFANTIL

GILVÂNIA MAURÍCIO DIAS DE PONTES

O texto trata da participação de crianças com necessidades educativas especiais em um projeto de trabalho com as linguagens das Artes Visuais – pintura, fotografia e desenho. O projeto foi desenvolvido na turma 3 do Núcleo de Educação da Infância da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN) – contando a participação de duas professoras do grupo, três bolsistas e 22 crianças na faixa etária entre 4 e 5 anos. Discute-se a construção de práticas pedagógicas em Artes Visuais que observem as crianças como protagonistas da organização de projetos pedagógicos na Educação Infantil. A partir da narrativa reflexionada das experiências vivenciadas com as crianças em torno dos temas: Flores e Linguagem fotográfica observa-se como se deu a participação das crianças como necessidades educativas especiais nas experiências propostas ao grupo. No tema flores abordou-se a obra de Van Gogh e Monet para responder a questões lançadas pelas crianças sobre as flores. Foi possível propiciar situações de leitura e produção de imagens às crianças nas linguagens do desenho e da pintura. Esse tema foi abordado durante um bimestre e, em continuidade a ele, observou-se que na contextualização da obra de Monet as crianças interessaram-se, também, pela fotografia, observada em materiais de pesquisa sobre o pintor. Diante dessa constatação, as professoras da sala, propuseram às estudantes, participantes do Projeto de Extensão “Artes Visuais na Educação Infantil: formação de mediadores na escola da infância”, a organização de um processo de intervenção cujo objetivo era o desenvolvimento da linguagem fotográfica com as crianças.

Veja o artigo completo: PDF