Resumo Trabalho

O ESPORTE COMO MECANISMO DE EDUCAÇÃO POPULAR E INCLUSÃO SOCIAL: EXPERIÊNCIA DO PROJETO "DOMINGO NA PRAÇA" NO MUNICÍPIO DE TAPEROÁ - PB

KEUDMA RICHELLE TIBURTINO COSTA

O esporte tem um enorme potencial para a transmissão de valores e normas de conduta sadios. Com efeito, tal como qualquer atividade com objetivos claros e determinados, a prática esportiva exige ordem, disciplina, paciência, coragem, perseverança, etc. Isto é, há uma série de virtudes éticas que são pressupostas no esporte e que por isso mesmo são desenvolvidas naqueles que se põem a praticá-lo. A prática constante da atividade física desenvolve ainda mais estas habilidades éticas, visto que a virtude, conforme ensinava Aristóteles, não consiste em um ato de bondade isolado, mas sim na prática habitual do bem.Os projetos esportivos dos segmentos populares se multiplicaram no Brasil nas últimas décadas. Os propósitos são, de praxe, orientados pela perspectiva da inclusão social e a de abrir outros caminhos que aqueles oferecidos pela “rua”. Esse trabalho trata-se de um estudo de natureza descritiva, do tipo relato de experiência, desenvolvido na cidade de Taperoá-PB, em duas ações gratuitas,que ofereciam diversas modalidades esportivas,além de aferimento de pressão arterial e frequência cardíaca e aconteceram aos domingos no período entre dois meses, promovidas por profissionais de educação física e apoiadas por órgãos públicos e também privados. O público alvo foi crianças e idosos em vulnerabilidade social. Percebeu-se que o projeto teve apoio da população e conseguiu atrair um número grande de público,principalmente de baixa renda, tornando o dia agradável, através do esporte, cultura e lazer.

Veja o artigo completo: PDF