Resumo Trabalho

A IMPORTÂNCIA DE ATIVIDADE FÍSICA PARA A VIDA DO PORTADOR DE SÍNDROME: UMA REVISÃO SISTEMÁTICA.

ESTOÉCIO LUIZ DO CARMO JÚNIOR

O presente trabalho, que é fruto de uma pesquisa sistematizada, desenvolvida a partir de fontes bibliográficas, tem por objetivo avaliar a contribuição da prática de atividade física para crianças portadoras de Síndrome de Down. Objetivando proporcionar uma melhor qualidade de vida para as crianças portadores da Síndrome de Down, tem se estimulado a prática de atividades físicas. Essas pessoas precisam ter seus movimentos estimulados, bem como seu raciocínio. A atividade física possui a capacidade de fortalecer e enriquecer o desenvolvimento físico, mental e social da criança. Através da realização desta pesquisa pode-se concluir que são significativos os benefícios proporcionados pela a atividade física à qualidade de vida dos portadores de Síndrome de Down, tendo em vista que tal prática reduz os riscos com a obesidade, que bem caracteriza a vida destas pessoas. Pode-se concluir que o portador de Síndrome de Down somente deve participar de uma atividade física após ter passado com uma avaliação médica, na qual fique constado as suas limitações.

Veja o artigo completo: PDF