Resumo Trabalho

O AUTISMO NO AMBIENTE FAMILIAR E A INTERAÇÃO FAMÍLIA- ESCOLA: UM ESTUDO DE CASO

JOÃO PAULO DA SILVA BARBOSA

O nascimento de uma criança é um momento bastante esperado por muitas famílias. Os pais idealizam o filho perfeito dentro dos padrões socias. Diante disso, a notícia de que a família possui uma criança autista ocasiona impactos no contexto familiar. Nessa acepção, objetivamos analisar, mediante um estudo de caso, os impactos que o diagnóstico de um filho autista acarreta na família, compreendendo suas vivências e como a interação família-escola contribui para o desenvolvimento destes sujeitos. Para o desenvolvimento deste trabalho utilizamos como procedimento metodológico a pesquisa bibliográfica e o estudo de caso, com abordagem qualitativa. Concluímos que o diagnóstico de um filho autista influencia desde fatores psicoemocionais dos pais, como também exige uma reorganização na rotina familiar. Além disso, em alguns casos, o processo de aceitação perpassa um longo caminho, desde o diagnóstico clínico, o luto simbólico até a aceitação familiar. Evidenciamos que a interação família-escola é determinante para o desenvolvimento da pessoa com autismo e a desconstrução de estigmas que os caracterizam como improdutivos e incapazes.

Veja o artigo completo: PDF