Resumo Trabalho

O MOODLE COMO UMA TECNOLOGIA INCLUSIVA: UMA ANÁLISE DA EXPERIÊNCIA DE ESTUDANTES COM DEFICIÊNCIA VISUAL NUM CURSO DE LICENCIATURA NA MODALIDADE EAD.

THALITA CUNHA MOTTA

O presente trabalho trata de uma análise sobre a acessibilidade para estudantes com deficiência visual em cursos na modalidade EaD do IFRN. A Educação à distância do IFRN baseia-se no uso do Moodle como Ambiente Virtual de Aprendizagem (AVA) online e material didático específico de cada curso. Atualmente, cursos de graduação e pós-graduação na modalidade EaD do IFRN têm estudantes com deficiência visual (DV). Porém, boa parte dos docentes e tutores dos cursos não tinham experiência prévia com a inclusão de pessoas com DV. Portanto, o AVA necessitou de adaptações para a inclusão desses estudantes. Com base nisso, desenvolvemos o presente estudo, baseando-nos numa fundamentação teórica sobre a acessibilidade de documentos digitais e ambientes virtuais de aprendizagem. Pudemos verificar que, os materiais didáticos do curso não têm formatação específica para softwares leitores de tela utilizados pelos estudantes com DV. Os professores e tutores necessitam ser orientados a descrever imagens e/ou outros recursos audiovisuais, para torná-los acessíveis aos estudantes com DV. Nesse sentido, consideramos que a TDICs utilizadas na EaD favorecem a educação de pessoas com DV, porém, é necessário que a equipe didático-pedagógica dos cursos conheça as especificidades dos estudantes e, as tecnologias assistivas que eles utilizam de forma a realizar as devidas adaptações dos materiais, atividades e recursos utilizados nos cursos a fim de concretizar a acessibilidade e avançar na efetivação de uma inclusão socioeducacional das pessoas com deficiência.

Veja o artigo completo: PDF