Resumo Trabalho

O ESTÁGIO COMO CAMPO DE MEDIAÇÃO ENTRE O PROCESSO DE ENSINO E APRENDIZAGEM NA EDUCAÇÃO SUPERIOR

BISMARCK OLIVEIRA DA SILVA

Este artigo propõe à reflexão da prática docente no ensino superior brasileiro, a partir da experiência do estágio a docência, diante de sua importância na formação de novos docentes. Nesse sentido, o estágio tem se revelado nos moldes atuais, como uma experiência rica, necessária e um campo de mediação no processo de ensino e aprendizagem na educação superior do país, na medida em que contribui com as discussões relativas aos métodos atualmente empregados e estratégias para o aperfeiçoamento desse processo na construção dos projetos político-pedagógicos. A metodologia utilizada para analise e coleta de dados sobre a temática, tem abordagem qualitativa, com caráter exploratório, valendo-se de transcrição de seminários, revisão de literatura e observações direta da experiência empírica no estágio docente. O objetivo geral buscou compreender de que maneira o estágio a docência influencia a formação dos novos professores no ensino superior. Quanto aos objetivos específicos dividem-se em: a) refletir acerca dos elementos indissociáveis do processo de ensino e aprendizagem; e b) analisar os impactos dos limites e possibilidades do estágio na formação de novos docentes. Ao examinar os debates travados no campo do processo do ensino e da aprendizagem na educação superior do Brasil atual, percebe-se aspectos relativos ao importante papel do estágio assistido como um campo de mediação nesse processo, mostrando-se como ferramenta propulsora de relações horizontais, de construção coletiva e de diálogo e de renovação da ação docente.

Veja o artigo completo: PDF