Resumo Trabalho

AUTONOMIA, PARTICIPAÇÃO E EMPODERAMENTO ATRAVÉS DA UNIVERSIDADE DA TERCEIRA IDADE.

Autor(es): JÉSSICA BOTTAMEDI RUBERTI, MARIA ALICE SIQUEIRA DE OLIVEIRA DA SILVA, GABRIELA THOMÉ DA CRUZ DE OLIVEIRA, JULIANA VIEIRA DE ARAUJO SANDRI e orientado por MSCª KATIA SIMONE PLONER

Estamos vivenciando, em nossa sociedade, um aumento significativo no número de idosos. O idoso ainda sofre com estigmas sociais, sendo considerado parte reclusa da sociedade devido a sua ausência no mercado de trabalho e o aparecimento de determinadas fragilidades físicas. Porém, é preciso realizar o resgate das potencialidades e da participação social desse idoso por meio do empoderamento e promoção de autonomia, que são caracterizados como fatores protetivos para um envelhecimento saudável. Dessa forma, tem-se a necessidade de se pensar em ações e estratégias que garantam a promoção da saúde e qualidade de vida para essa parte da população. Perante isso, tem-se como um dos principais instrumentos para o alcance desses fatores de proteção o conhecimento. Partindo deste pressuposto, há o surgimento cada vez mais frequente de espaços voltados para o resgate social da pessoa idosa, como as Universidades da Terceira Idade (UTIs). Este trabalho visa explanar sobre um projeto de Extensão acadêmica, realizado nos moldes e princípios de uma Universidade da Terceira Idade, visando a reinserção social do idoso através da aquisição do conhecimento.

Veja o artigo completo: PDF