Resumo Trabalho

CARACTERIZAÇÃO DE IDOSOS EM UMA INSTITUIÇÃO DE LONGA PERMANÊNCIA PARA IDOSOS , EM PONTA GROSSA, PARANÁ

Autor(es): GABRIELA SERIGHELLI DA ROSA, KAMILA MOREIRA, TAINA LUANA WASCOSKI e orientado por JACY AURÉLIA VIEIRA DE SOUSA

As Idosos residentes de uma Instituição de Longa Permanência para Idosos (ILPI) tem características biopsicossociais diferenciadas que necessitam ser investigadas a fim de proporcionar melhor qualidade de vida. Esse estudo teve como objetivo identificar dados sociodemográficos de idosos na ILPI. Estudo observacional, quantitativo em que a coleta de dados foi em agosto de 2018, em uma ILPI do município de Ponta Grossa, Paraná, utilizou-se um instrumento estruturado contendo as variáveis: idade, medicamentos utilizados e diagnósticos. A amostra foi composta de 31 idosas, de 68 a 91 anos (média=79 anos), hipertensão arterial sistêmica foi a morbidade mais evidente, diagnosticada em (14;45,16%) idosos, a classe de medicamentos com maior evidência foi a fenotiazinas (18;58,06%) idosos. Diante de tais fatores conclui-se que a média de idade foi alta e que hipertensão arterial sistêmica atinge frequentemente idosos assim como a fenotiazinas teve uma alta taxa de prescrição.

Veja o artigo completo: PDF