Resumo Trabalho

ASPECTOS NUTRICIONAIS EM UM GRUPO DE IDOSOS VINCULADOS A UMA OPERADORA DE PLANOS DE SAÚDE, SÃO PAULO, CAPITAL

Autor(es): TATIANA BITTAR VAZ ALVES, MARIA LAURA VERISSIMO TEIXEIRA e orientado por MARIA ELISA GONZALEZ MANSO

Introdução: O envelhecimento é um fenômeno progressivo. Em número de idosos, o Brasil se iguala a países ricos, todavia, os recursos são limitados e há dependência de apoio familiar. Envelhecer é um processo que envolve mudanças fisiológicas, as quais, aliadas a comorbidades, hábitos e condições socioeconômicas, se relacionam ao maior risco de desnutrição e baixo peso. A perda de peso possui influência sobre a autonomia do idoso, devido à perda de sua capacidade funcional. Objetivo: Avaliar o aspecto nutricional de idosos vinculados a uma operadora de planos de saúde na cidade de São Paulo. Metodologia: Trata-se de um estudo exploratório, descritivo, realizado em 2015, com idosos acima de 60 anos, moradores na cidade de São Paulo, SP, Brasil, usuários de uma operadora de planos de saúde. A coleta dos dados foi realizada mediante visitas domiciliares. Foi aplicado o instrumento de Mini Avaliação Nutricional, Índice de Massa Corpórea e aferida a circunferência abdominal. Resultados: A pesquisa incluiu 113 idosos. Os resultados demonstraram alto índice de eutrofia, em maior porcentagem nos homens. O risco de desnutrição foi significante, com predomínio em mulheres mais idosas, as quais também apresentaram maiores índices de obesidade, baixo peso e maior risco cardiovascular. Conclusão: A desnutrição propicia o aparecimento de morbidades, as quais interferem no estado nutricional, instalando-se um ciclo. Devido a importância dessa situação, é importante a existência de uma vigilância e abordagem relacionada aos riscos de desnutrição, assim como os fatores de risco referentes a dieta.

Veja o artigo completo: PDF