Resumo Trabalho

CONCEPÇÕES POPULARES E CLÍNICAS DA TUNGÍASE (BICHO DE PÉ) NA REGIÃO METROPOLITANA DO RECIFE

Autor(es): REBECA VITÓRIA INÁCIO DOS SANTOS, CLARISSA MAYRA BASTOS GOMES e orientado por ARGUS VASCONCELOS DE ALMEIDA

O bicho-de-pé (tungíase) é uma patologia ocasionada pelo ectoparasita Tunga penetrans. Que penetra na derme e causa várias complicações no indivíduo. Ele necessita de um hospedeiro, para completar o ciclo biológico. A fêmea já fecundada aglomera a epiderme depositando seus ovos. O parasitismo provoca reações dolorosas no hospedeiro como dor e coceira, e, além disso, caso a extração não seja feita com higienização correta, o infectado pode ser acometido por bactérias oportunistas. A tungíase é uma doença negligenciada, com poucos trabalhos científicos publicados sobre o assunto. O presente trabalho tem por objetivo observar, analisar e comparar os conceitos a respeito da tungíase e do seu causador da tunga penetrans, tanto do ponto de vista clínico como popular. A pesquisa foi feita através de entrevista com pessoas de conhecimento popular e pessoas de conhecimento científico, um médico e uma enfermeira da saúde. Os resultados mostraram que ambos reconhecem que a tungíase (bicho-de-pé) podem ser contraída através da areia, e deve ser feita a extração da mesma como forma de tratamento. Quando comparadas as entrevistas mostraram que tanto nas comunidades humildes quanto nos postos de saúde há conhecimento de como identificar a doença, seu tratamento e consequências caso haja multiplicação da pulga causadora.

Veja o artigo completo: PDF