Resumo Trabalho

A IMPORTÂNCIA DO ESTÁGIO SUPERVISIONADO NA FORMAÇÃO INICIAL FRENTE AOS NOVOS DESAFIOS DA DOCÊNCIA.

Autor(es): CYNTHIA RANYELLE DA SILVA SANTOS, ALEXANDRE RODRIGUES DA CONCEIÇÃO, ALMIR ROCHA DOS SANTOS e orientado por MARIA DANIELLE ARAÚJO MOTA

O Estágio Supervisionado (ES), compreende uma etapa indispensável no processo de formação docente, na qual envolve o contato direto com os desafios da sala de aula. Nesse sentido, constitui uma das etapas mais importantes da vida acadêmica dos estudantes de licenciatura. O presente trabalho se baseia em um relato de experiência a partir da análise realizada nos 4 Estágios Supervisionados do Curso de Licenciatura em Ciências Biológicas pela Universidade Federal de Alagoas (UFAL). O primeiro Estágio foi realizado em espaços não formais de educação, o segundo compreendeu Estágio de Observação do Espaço Escolar como um todo. Os Estágios 3 e 4 compreenderam a Regência, sendo o primeiro nas séries finais do Ensino Fundamental e o segundo no Ensino Médio. Cada Estágio Supervisionado com uma carga horária de 100h, sendo 50h em atuação direta na sala de aula seja por observação ou regência, e as outras 50h sendo dedicadas a leituras e discussões de textos pertinentes ao Estágio na Universidade. Em todos os ES o elemento fundamental de registros e reflexões esteve pautado no diário de formação na qual serviram de base para os resultados e discussões posteriores. A seguir os resultados foram presentados de acordo com análise do diário de formação descritivo e reflexivo a partir das experiências vividas no decorrer dos 4 ES. Assim, o Estágio Supervisionado e suas fases foi aqui defendido como uma síntese das atividades desenvolvidas para o aprimoramento e construção de saberes, além de proporcionar a formação de uma identidade docente.

Veja o artigo completo: PDF