Resumo Trabalho

UTILIZAÇÃO DO SMARTPHONE PARA ANÁLISE RÁPIDA DO BRIX DE MANGAS UTILIZANDO O APP PHOTOMETRIX

Autor(es): IONARA XAVIER BENTO e orientado por ALLAN NILSON DE SOUSA DANTAS

A manga representa um dos principais frutos produzidos no Brasil, sendo as regiões nordeste e sudeste os principais centros produtores do fruto. Seus principais destinos é o mercado exterior, com cerca de 88% da produção sendo exportada. Para o mercado interno, o fruto é destinado à produção de sorvetes, geleias e principalmente polpas para produção de suco. Nesses processos os frutos são avaliados em termos de aspectos visuais como a cor e ausência de manchas e ainda por meio de avaliação da “doçura”, que está diretamente relacionada com o Teor de Sólidos Totais Dissolvidos (STD). Para ajudar a reduzir o tempo de análise de vários parâmetros de controle de qualidade na indústria, o uso de métodos quimiométricos vêm se intensificando, destacando-se a regressão por mínimos quadrados parciais. Assim, o objetivo deste trabalho foi desenvolver um modelo de calibração multivariada usando smartphone para determinar o teor de sólidos totais dissolvidos em amostras de manga rosa. Amostras (n = 27) de manga da espécie Mangífera indica L. foram selecionadas para posterior aquisição das imagens. Para determinação do teor de STD das amostras foi utilizado um Refratômetro Digital de bancada (Nova, DR500). Na etapa de aquisição das imagens digitais, foi utilizado o aplicativo gratuito (FotoMetrixPRO, versão 1.0.3), instalado em um aparelho Smartphone. Os teores de sólidos totais dissolvidos (STD) nas amostras de mangas analisadas neste trabalho variaram de 14,7 a 18,6 ºBrix. A legislação que versa sobre a produção de polpa de manga exige um mínimo de 11 ºBrix demonstrando que as amostras escolhidas possuem valores adequados de STD para criação de modelo de calibração. Neste sentido, a calibração com base em regressão por mínimos quadrados parciais por meio do app PhotoMetrixPRO foi desenvolvido para os canais de RGB, permitindo combinações lineares das variáveis X (STD), que melhor modelam as variáveis dependentes Y (canais de cores). O método de Regressão por Mínimos Quadrados Parciais se mostrou uma ferramenta promissora para possíveis aplicações de controle de qualidade na avaliação rápida do teor de STD em amostras de mangas rosa. O modelo apresentou um R2cal de 0,9907 e um RMSEC de apenas 0,1483. Além disso, o fato de se usar apenas o smartphone como ferramenta analítica, permite agilidade no processo e uma redução de custos e menor geração de resíduos relacionados ao controle de qualidade industrial. Outras etapas ainda são necessárias para aprimorar o modelo que está sendo desenvolvido. Todavia, de posse de um modelo de calibração robusto, empresas produtoras de polpa de frutas, por exemplo, poderão dar maior agilidade no processo de recebimento, caracterizando-se como um método não destrutivo ao fruto, reduzindo o tempo de análise.

Veja o artigo completo: PDF