Resumo Trabalho

MODELO DE INTERAÇÃO NAS AULAS DE MATEMÁTICA: UMA PROPOSTA DE ROTEIRO METODOLÓGICO PARA INSERÇÃO DAS DIMENSÕES DE EQUIDADE

Autor(es): JOSE AIRTON FERNANDES DE FARIAS, RODINEY MARCELO BRAGA DOS SANTOS e orientado por RODINEY MARCELO BRAGA DOS SANTOS

Este estudo se concentra nos problemas de equidade que surgem diante das dificuldades encontradas nas aulas de Matemática por parte dos estudantes e no que concerne ao professor a busca por aprimoramento metodológico, seja na forma como o conteúdo está sendo abordado, ou no grau de dificuldade implicada pela disciplina em si, ou mesmo levar em consideração fatores excludentes que delineiam a vida e história de cada aluno que são fatores decisivos entre o sucesso e o fracasso na disciplina. O objetivo desta pesquisa consiste em estudar modelos de interação nas aulas de Matemática, de forma a apresentar uma proposta de roteiro metodológico através das dimensões de equidade. Para tanto, o tratamento metodológico adotado compreende uma tipologia de abordagem qualitativa, aplicada e exploratória. Nesse âmbito, discute-se o termo equidade abrangido por quatro dimensões denominadas: acesso, realização, identidade e poder e permeadas por três abordagens que caracterizam as interações humanas: materialista, liberalista e pós-estruturalista. Contudo, apresenta-se como resultado uma proposta de roteiro metodológico através das dimensões de equidade, uma sugestão para impulsionar as aulas de Matemática de maneira equitativa, com o intuito de proporcionar justiça e igualdade na aprendizagem da Matemática.

Veja o artigo completo: PDF