Resumo Trabalho

INFLUÊNCIA DOS PARÂMETROS DE SOLDAGEM NA GEOMETRIA DE CORDÕES DE SOLDA OBTIDOS PELO PROCESSO GMAW

Autor(es): LUIZ ANTONIO DA SILVA FELIX, FELIPE AUGUSTO SILVA NASCIMENTO e orientado por MARCOS MESQUITA DA SILVA

O presente trabalho tem como objetivo analisar a influência da velocidade de alimentação do arame de soldagem na geometria dos cordões de solda realizados pelo processo de soldagem GMAW convencional. Para os experimentos, duas variações na velocidade de alimentação do arame (Va) de soldagem foram realizadas, mantendo constante as outras grandezas físicas, tais como: intensidade de corrente elétrica, tensão, fluxo de gás, entre outras. A largura do cordão de solda, o consumo de materiais (gás de proteção e arame de soldagem) e o modo como o parâmetro influenciou foram as características analisadas. A largura do cordão de solda em função da Va de soldagem apresentou um comportamento padronizado, isto é, quando a velocidade de arame foi de 6 m/min, o cordão de solda se mostrou mais alongado e fino, consumindo baixa quantidade de arame e de gás, em relação a outra velocidade (8 m/min). No entanto, quando a velocidade de arame foi de 8 m/min, sua largura aumentou substancialmente em relação ao primeiro, consumindo uma grande quantidade de arame e de gás. Embora que apenas a velocidade de alimentação foi estudada, ocorreram variações inesperadas na tensão e corrente de operação durante os dois experimentos, comprovando que a velocidade de alimentação do metal de adição influencia diretamente na alteração dos outros parâmetros. Isto significa que, não é apenas a variação da velocidade de arame que influência na geometria do cordão de solda, mas sim, o conjunto de alterações dos parâmetros envolvidos no processo, que modificam as características da geometria.

Veja o artigo completo: PDF