Resumo Trabalho

A CONTEXTUALIZAÇÃO NA ABORDAGEM DE TEMÁTICAS RELATIVAS À VEGETAÇÃO DA CAATINGA

Autor(es): MARIA WIRMA DA COSTA NASCIMENTO, NILSON DE SOUZA CARDOSO, JAQUELINE RABELO DE LIMA e orientado por JAQUELINE RABELO DE LIMA

A contextualização é um eixo norteador do processo ensino-aprendizagem que perfaz um conceito científico essencial: o fazer pedagógico, ou seja, a integração entre teoria e prática contribuindo para a expressão da interdisciplinaridade, interatividade, criticidade e flexibilidade, além da formação de professores envolvidos e alunos que se identificam com o que estudado, conferindo significado à aprendizagem. Nesse contexto, este trabalho objetivou a utilização de metodologias diferenciadas para a contextualização de temáticas relacionadas à vida no semiárido onde há predominância da vegetação de caatinga, aqui intitulada: “O homem e a Caatinga”, com alunos do 7º ano da Escola Furtado Leite de Crateús-CE. O desenvolvimento da ação, foi realizada em três momentos. O primeiro consistiu em visita a escola e apresentação da proposta aos gestores, firmando-se acordo de parceria entre a Universidade e a Escola. No segundo momento, deu-se a execução da ação com os alunos, utilizando poesias, imagens, vídeos, músicas, dentre outras, como estratégia de introdução da temática. Os estudantes foram provocados a falar sobre suas experiências de vivência na região e, em seguida, foram apresentadas as características próprias do semiárido nordestino, as potencialidades da região e particularidades dessa. No terceiro momento, os estudantes foram avaliados por intermédio de produções artísticas e de um questionário aberto contendo oito questões, que versavam sobre análise da ação e dos monitores responsáveis por sua execução, com vistas a melhorias para as próximas ações. Os resultados destacaram que houve identificação dos alunos com a ação, demonstrando em suas falas palavras de gratidão, afeto e aprendizagem. Enfatizaram ainda que esperam novas ações nesse sentido. Por fim, pode-se destacar que as propostas de metodologias contextualizadas foram eficientes no sentido de aproximar os alunos da sua própria realidade, despertando neles a consciência de valorização da Caatinga, o que demostra a necessidade de contextualização para promoção do ensino-aprendizagem.

Veja o artigo completo: PDF