Resumo Trabalho

CINÉTICA DE SECAGEM EM CAMADA DE ESPUMA DE POLPA DE MARACUJÁ, UTILIZANDO DIFERENTES ADITIVOS.

Autor(es): CAROLINA FONTES DE SOUSA, JOYCE SALVIANO BARROS DE FIGUEIREDO, SEVERINA DE SOUSA e orientado por SEVERINA DE SOUSA

: O maracujá tem um alto valor nutritivo e é bem apreciado pelo consumidor brasileiro, porém a conservação desse fruto é bastante difícil. A secagem em leito de espuma (método foam mat) é um método considerado simples, rápido e barato por possuir a vantagem de ser executado em baixas temperaturas e por possuir menor tempo de secagem além de obter um produto final em forma de pó. Este trabalho teve como objetivo realizar a cinética de secagem em camada de espuma de polpa de maracujá a temperatura de 80°C, utilizando diferentes aditivos. Foram realizadas três formulações: Formulação 1, contendo 3% de Emustab®; formulação 2, com 3% de Emustab® e 2% de Superliga-Neutra®; formulação 3, 3% de Emustab®, 2% Superliga-Neutra® e 15% de Maltodextrina. Diferentes modelos matemáticos como Henderson & Pabis, Cavalcanti Mata, Midilli & Kucuk, Page e Thompson, foram empregados para predizer a secagem, por meio de análise de regressão não linear utilizando-se o Software Statistic 7.0® para obtenção de parâmetros de secagem dos referidos modelos. Foi utilizado como critério de avaliação, o coeficiente de determinação e o desvio quadrático médio (DQM). Constatou-se que os modelos de Cavalcanti Mata e Midili & Kucuk foram os modelos que melhor se ajustaram aos dados experimentais para as condições estudadas.

Veja o artigo completo: PDF