Resumo Trabalho

(AUTO)BIOGRAFIA: ESCRITAS DE SI E ESCRITAS DE OUTRO NO IMAGINÁRIO DE FORMAÇÃO.

LUCINÉIA CONTIERO, GISELE PASQUINI FERNANDES

Resumo: Este artigo discute aspectos de categorias do gênero biográfico utilizadas no campo educacional como construto de formação docente: a autobiografia, a memória, o diário. Importa a esta abordagem investigar as subespécies do gênero atentando para a pertinência da promoção da verossimilhança narrativa e sua implicação para a representatividade da construção identitária e do conceito reflexivo-critico-transformador. Tencionamos abordar os parâmetros factuais da construção memorialística que muito tem servido de base científica, na atualidade, como sistematização bibliográfica sobre a profissão docente. Para tanto, servimo-nos do apoio teórico de autores fundamentais como Ricouer, Lejeune, Sartre, Foucault, Bachelard, Vilas Boas. PALAVRAS-CHAVE: autobiografia; verdade factual; trajetórias de formação docente.

Veja o artigo completo: PDF