Resumo Trabalho

A DISCIPLINA DE CIÊNCIAS NA CONCEPÇÃO DOS ALUNOS DO 9° ANO DA ESCOLA MUNICIPAL SILVESTRE FERNANDES ROCHA, EM ZÉ DOCA (MA).

ROSY CAROLINNE SOUSA AMORIM, ROBSON FERNANDES GOMES, ROMÁRIA VIANA PRADO, VERA REJANE GOMES

A disciplina de Ciências, no Ensino Fundamental, é um conhecimento imprescindível à formação e ao desenvolvimento do aluno e também para as escolas. A disciplina de Ciências, trabalhada no Ensino Fundamental, caracteriza-se como a área de conhecimento responsável pelo estudo dos fenômenos e eventos da natureza, do universo, dos seres vivos e da matéria. Desta forma, este estudo surgiu do interesse de conhecer a visão que os alunos do 9º ano da Escola Municipal Silvestre Fernandes Rocha têm sobre a disciplina de Ciências, haja vista a importância desta disciplina como um estudo obrigatório no Ensino Fundamental e da essencialidade para o sucesso dos alunos e da escola, haja vista ser um conhecimento voltado a proporcionar uma base sólida de conceitos diversos e ligados a natureza e suas manifestações. Assim, o objetivo deste trabalho é analisar e caracterizar a concepção que os alunos do 9º ano da referida escola tem sobre a disciplina de Ciências, considerando a opinião dos entrevistados sobre aspectos importantes ao estudo e ensino da disciplina de Ciências, tais como: o grau de importância desta para os alunos, o campo de estudo da disciplina, o grau de afinidade dos alunos para com a mesma, barreiras no aprendizado e ainda, quais seriam as metodologias mais viáveis no trabalho da disciplina para os educandos. Neste contexto, este trabalho baseia-se nas concepções que a Lei de Diretrizes e Bases da Educação Nacional (LDBEN), 9.394 de 20 de dezembro de 1996, nos Parâmetros Curriculares Nacionais (PCN’S) e em outras legislações, referente a disciplina de Ciências no Ensino Fundamental. Para a efetivação da metodologia utilizou-se a taxonomia de Vergara, bem como os autores Ducatti-Silva, Perrenoud, Bizzo, Araújo, Pereira, Chassot, que deverão está postos no referencial teórico.

Veja o artigo completo: PDF