Resumo Trabalho

FERNANDA GOMES SILVA, ADELAIDE SINTIA LOPES DE SOUZA, GILMAR VIEIRA CAVALCANTE, JOANA DARK GOMES SILVA e orientado por MARIA DO SOCORRO PINHEIRO e orientado por MARIA DO SOCORRO PINHEIRO

Este trabalho aborda o processo de leitura performática do gênero poesia, propondo metodologias que podem ser realizadas com os alunos do ensino fundamental. A leitura de poesia está além de uma simples leitura de um gênero textual. A poesia transporta o leitor para um universo particular que reflete em vários aspectos das suas relações cotidianas; traz o universo único que existe em cada palavra, no verso, no ritmo, nas formas, nos sentidos, sendo de grande importância no processo de formação leitora dos alunos no ensino fundamental. Muitas são as possibilidades e os recursos que podem ser usados pelos professores nas aulas de Literatura para se trabalhar esse gênero. Um deles é a leitura performática, por meio da qual ocorre um encontro do leitor com o texto através da voz, do corpo, do espaço e das construções de sentidos. Dessa forma abordaremos a performance, em que leitor faz uso da voz e do corpo, trazendo a leitura performática como metodologia para o trabalho em sala de aula. Essas propostas metodológicas estão fundamentadas em estudos e pesquisas de Theodoro Ezequiel Silva (1995), Paul Zumthor (2014) e Eliana Kefalás (2012) e Hélder Pinheiro (2007) que desenvolvem sobre o processo de leitura e como ela pode tomar forma através do uso da voz, do corpo e dos objetos que rodeiam o leitor. Esperamos que o contato com a leitura performática do gênero poesia envolva e contribua para o processo de formação leitora, crítica, cognitiva e incentive o gosto tanto para a leitura de poesia como para os demais gêneros literários.

Veja o artigo completo: PDF