Resumo Trabalho

A IMPORTÂNCIA DA AFETIVIDADE NAS AULAS DE MUSICALIZAÇÃO NA INFÂNCIA, UM RELATO DE EXPERIÊNCIA

AJA DEVI DASI SOARES ABREU DE GÓES

A proposta da musicalização com crianças está além do simples ensinamento de conceitos musicais, abrangendo também questões da ética, aspectos sociais e relações interpessoais. O cultivo da afetividade é muito latente nos âmbitos educacionais. Aqui será relatada uma experiência com uma turma de aulas particulares de musicalização com crianças entre quatro e oito anos de idade, na qual a afetividade entre elas foi decisiva para que a educação musical ocorresse de forma consistente e prazerosa, trabalhando relações entre aluno/aluno, aluno/professor e aluno/família. Foram utilizados autores como Dalcroze, Willems e Schafer na área da Educação Musical e Wallon e Dias no trato com as relações afetivas, dentre outros. Concluir com essa pesquisa que existe uma relação muito forte entre a afetividade e a música e, por isso, uma não pode ser dissociada da outra na Educação Musical, ocorrendo, assim, um auxílio mútuo no desenvolvimento das relações afetivas e na musicalização.

Veja o artigo completo: PDF