Resumo Trabalho

JOSÉ DEIVISSON ANDRADE DE SOUZA e orientado por ROBERTA VARGINHA RAMOS CAIADO e orientado por ROBERTA VARGINHA RAMOS CAIADO

A presente pesquisa insere-se na área do Letramento Digital com foco no uso de Recursos Educacionais Abertos (REA) para o ensino da produção de textos escritos online. Estamos cada vez mais nos tornando uma sociedade letrada digital em sua totalidade. Ser letrado digital é assumir mudanças nos modos de ler e escrever os códigos e sinais verbais e não-verbais, portanto o letramento digital pode ser definido como a ampliação da possibilidade do contato com a escrita e com a leitura em ambientes digitais, surgindo devido à Era da Informação na qual vivemos e ao avanço das tecnologias digitais. De todo modo, para um indivíduo ser considerado “letrado digital” deve saber utilizar e se apropriar de todas as competências e habilidades que esse suporte oferece, assim como utilizar todos os gêneros nele incluso. Propõe-se alcançar o foco dessa pesquisa em consonância com (i) a teoria dialógica/enunciativa da linguagem; (ii) a Linguística Textual; (iii) e os objetos de ensino e aprendizagem e recursos educacionais abertos, a partir da proposta da elaboração de uma Sequência Didática (SD) como Recurso Educacional Aberto, em favor da produção textual online e do conceito de letramento digital. Metodologicamente, uma sequência didática organiza-se em torno de alguns procedimentos, nos quais foram elaborados, adaptados e propostos no repositório digital ELO (Ensino de Línguas Online). Visando garantir a relevância dessas atividades para a prática educacional, mais especificamente para alunos do ensino fundamental II, buscamos, nos parâmetros curriculares nacionais (PCNs) de Língua Portuguesa, as habilidades necessárias que esses alunos devem adquirir neste segmento.

Veja o artigo completo: PDF