Resumo Trabalho

A COMUNIDADE CIGANA: IDENTIDADE, NÍVEL DE ESCOLARIZAÇÃO E RELIGIOSIDADE NO AVANÇO DA MODERNIDADE NO MUNICIPIO DE SOUSA/PB/BRASIL

MARIA JOSÉ RANGEL

O presente estudo traz como objetivo analisar os elementos que identificam o sentido de identidade, nível de escolarização e religiosidade no avanço da modernidade vivenciados pela comunidade cigana do município de Sousa/PB/Brasil. Esta pesquisa caracteriza a história dessa população e o desejo de aprofundar o conhecimento sobre os ciganos de modo a tornar visível a sociedade essa comunidade invisível. O estudo de caráter etnográfico, configura-se de uma metodologia de abordagem qualitativa, com alguns dados quantitativos representativos, de paradigma naturalista, descritiva com pesquisa bibliográfica/ documental que orientará o trabalho no uso de técnicas de pesquisas específicas e diversificadas para melhor cumprir os objetivos deste estudo. Nesse gênero de investigação, na coleta de dados será utilizada a observação participante, registrada no diário de campo e a entrevista semi estruturada. Trata-se de uma pesquisa em andamento e que nos resultados iniciais já foi possível observar que a comunidade possuem problemas que marcam a invisibilidade dessa população pela discriminação, marginalidade e exclusão. A pesquisa continuará com novas visitas a comunidade com registros normativos (observação participante, diário de campo) e os registro automáticos (gravador, fotos, vídeos) e a realização das entrevistas semi estruturadas com as lideranças ciganas, numa interação social buscando informações relacionadas com os objetivos da pesquisa. Este artigo é um recorte da pesquisa em andamento de doutorado em Ciências da Educação, da autora, na Universidade Autônoma de Assunção/PY – UAA.

Veja o artigo completo: PDF