Resumo Trabalho

USO DA SEMENTE DE MORINGA OLEIFERA NO TRATAMENTO DE EFLUENTES DE OFICINAS MECÂNICAS.

Autor(es): ANTONIO JOSE DA SILVA SOUSA, ERBÊNIA LIMA DE OLIVEIRA, MARIA JOCELI NORONHA DE ANDRADE, REGINA CÉLIA PEREIRA MARQUES e orientado por WYLLAME CARLOS GONDIM FERNANDES e orientado por WYLLAME CARLOS GONDIM FERNANDES

Procurando métodos alternativos para o tratamento de efluentes, analisamos a utilização de um processo de coagulação/flotação com as sementes da Moringa oleifera Lam., para o tratamento de um efluente originado de oficinas mecânicas, com a finalidade de reduzir o valor inicial de óleos e graxas (TOG), verificando se a qualidade final da água para que ela possa ser reutilizada em atividades conforme a legislação vigente. O efluente foi submetido ao tratamento proposto, utilizando-se diferentes concentrações de torta das sementes da moringa. Os resultados obtidos no presente estudo demonstram que o processo de tratamento pode ser aplicado no tratamento do efluente das lavagens e troca de óleos de carros em oficinas automotivas. Nos tratamentos realizados de coagulação/floculação, utilizando extratos de moringa em meio salino e aquoso, pôde-se concluir que a moringa foi mais eficiente na remoção de óleo em meio salino 97%, utilizando apenas 0,5 mL.L-¹ desse coagulante. Em meio aquoso, apresentou uma remoção significante de 70%, utilizando 2,5 mL.L-¹. Dessa forma, fica demonstrado que as sementes de moringa são coagulantes eficientes na remoção de óleo em água e podem ser utilizadas no tratamento desse poluente.

Veja o artigo completo: PDF