Resumo Trabalho

ESTUDO NUMÉRICO E ANALÍTICO DE UM ENSAIO DE FRATURAMENTO HIDRÁULICO

Autor(es): GEORGE SIMONELLI, LUCAS DA SILVA E SILVA, RÔMULO SOUSA VILARES FILHO , PAULO GUSTAVO CAVALCANTE LINS e orientado por PAULO GUSTAVO CAVALCANTE LINS e orientado por PAULO GUSTAVO CAVALCANTE LINS

Os resultados de um ensaio de fraturamento hidráulico de laboratório são analisados por modelos da elasticidade e da mecânica da fratura. Uma solução analítica para uma abertura circular em meio infinito com tensões in situ não hidrostáticas, uma carga interna e um modelo de elementos finitos do ensaio apresentam tensões de tração máximas que superam a resistência à tração do material. Estes dois modelos explicam a iniciação da fratura. Soluções de referência de mecânica da fratura e modelos de elementos finitos para representar o fraturamento no ensaio, quando comparados com tenacidade à fratura, explicam o processo de propagação da fratura. O conjunto dos modelos permite um melhor entendimento do processo da mecânica do fraturamento. As tensões in situ, a pressão interna do furo e a pressão na fratura possuem papeis distintos no referido processo.

Veja o artigo completo: PDF