Resumo Trabalho

INCORPORAÇÃO DE METAIS ALCALINOS TERROSOS CA, MG, BA E SR EM MCM-41 PARA APLICAÇÃO COMO ADSORVENTES DE CO2 NAS CORRENTES DE GÁS NATURAL DO PRÉ-SAL.

Autor(es): THAIS REGINA SILVA RIBEIRO, RAÍ MELO DE OLIVEIRA, THEREZA HELENA AZEVEDO SILVA, DAVID CLEBSON DE MELO SILVA

Os novos campos de petróleo descobertos na Província do Pré-Sal possuem grandes reservas de petróleo, porém os desafios tecnológicos para a sua exploração de forma econômica são enormes. Um dos problemas com esses reservatórios são que o gás associado possui altas concentrações de dióxido de carbono, que deve ser removido e disposto apropriadamente, pois a legislação não permitirá a sua liberação direta na atmosfera. Dessa forma é necessária se desenvolver tecnologias para a separação de CO2de correntes de gás natural, mas há um complicador para estas novas tecnologias; o fato de que elas devem ser capazes de tratar correntes com concentrações relativamente altas de dióxido de carbono. Sílicasmesoporosas como MCM-41, MCM-48 e SBA-15 estão em evidência devido suas possíveis aplicações como adsorventes ou suportes catalíticos para adsorção de gás, separação de fases, catálise, preparação de materiais nanoestruturados entre outras.Estes materiais são obtidos através de um mecanismo que envolve a formação de molde de surfactantes ou copolímeros de bloco de micelas numa mistura composta de uma fonte de solvente e de sílica apresentando uma matriz de poros regulares com distribuição de diâmetro com um valor médio que pode variar entre 2 e 20 nm, dependendo das condições de síntese. No presente projeto será feita a impregnação dos cátions alcalinos terrosos Ca, Mg, Ba e Sr na peneira molecular MCM-41 para adsorção nas correntes de gás natural, pois esta modificação irá proporcionar a formação de sítios ácidos favorecendo a reação de adsorção.

Veja o artigo completo: PDF