Resumo Trabalho

EDUCAÇÃO E PATRIMÔNIO: PROPOSTA DE ABORDAGEM TRANSVERSAL NAS AULAS DE LÍNGUA PORTUGUESA

TIAGO SOARES VIEIRA, ANA MARIA CARNEIRO ALMEIDA DINIZ, FLÁVIA MEIRA DOS SANTOS, RAMIRES VIEIRA GOMES, JAIANA CRISTINA GOMES DE RESENDE, ELIAS LINHARES DE MELO e orientado por ELIENE ALVES FERNANDES e orientado por ELIENE ALVES FERNANDES

Grande parte dos teóricos que abordam questões educacionais, bem como os principais documentos norteadores do ensino designam à escola o papel de desenvolver nos discentes não apenas o seu lado intelectual, mas também o senso crítico, trabalhando temas transversais que vão além do conhecimento científico, como orientam os PCN´s (BRASIL, 1998). Tendo em vista esse pressuposto e a relevância da abordagem transversal em Língua Portuguesa, o presente estudo buscou observar a importância de se trabalhar em sala de aula com o tema patrimônios, buscando desenvolver nos discentes sua visão crítica/reflexiva acerca da preservação dos mesmos, em especial do escolar. Apresentando experiências vivenciadas em sala de aula e realizando uma revisão bibliográfica, tendo por base VIANA (2009) que em sua dissertação para o mestrado apresentou uma análise acerca do processo de ensino/aprendizagem na abordagem dos patrimônios e as autoras SANTOS & VIEIRA (2013), as mesmas apresentam reflexões acerca da abordagem do tema preservação do Patrimônio escolar. Os relatos de experiência são referentes a aplicação do projeto PIBID 2016.2 Educação e Patrimônio: O papel do aluno na preservação da escola, desenvolvido na escola Estadual Cidadã Integral Obdúlia Dantas situada na cidade de Catolé do Rocha interior da Paraíba. A partir dos estudos realizados e das experiências vivenciadas tornou-se perceptível que trabalhar a presente temática em sala de aula constitui-se algo relevante, visto que, mesmo tendo alguma consciência acerca da importância da preservação patrimonial, os discentes necessitam de uma maior conscientização, oportunizando o aperfeiçoamento da capacidade crítico/reflexiva dos mesmos, promovendo, assim, o exercício de sua cidadania de forma ativa tendo consciência de alguns dos seus direitos e deveres.

Veja o artigo completo: PDF