Resumo Trabalho

A CINCIA BIOLOGIA E A FORMAO DE PEDAGOGAS UMA CONVERSA SOBRE CORPO, GNERO E SEXUALIDADE

Autor(es): CAMILA S PERICOLO, NLI SUZANA QUADROS BRITTO e orientado por NLI SUZANA QUADROS BRITTO e orientado por NLI SUZANA QUADROS BRITTO

Existem mltiplos fatores que fizeram ao decorrer de muitos anos dar contornos, caminhos e muitos limites nos conhecimentos construdos ligados a sexualidade e gnero, possvel citar algumas barreiras que, consequentemente alimentaram pr-conceitos, como: a religio, o moralismo, o cientificismo e a biologizao desses conhecimentos, os quais aparecem e permanecem nos traos ainda muito fortes nessa temtica. A pesquisa em tela objetiva investigar sobre a histria da disciplina Educao, Gnero e Sexualidade no curso de Pedagogia da UDESC Universidade do Estado de Santa Catarina. Pretendemos aqui socializar os estudos parciais dessa pesquisa sobre algumas concepes que tem importante ligao com o ensino do corpo. No entanto possvel perceber nitidamente que as abordagens sobre sexo e sexualidade, ficam a cargo da disciplina de Cincias na Educao Bsica, essa realmente uma tradio histrica curricular atribuda a disciplina, as quais ficam mascaradas pelo contedo reproduo humana, que suscitam ou silenciam discusses sobre corpo, gnero e sexualidade. ento sobre o territrio do Ensino de Cincias que iniciamos nossos estudos, neste caminho as vertentes, tanto mais ligadas a Cincia/Biologia como as que compreendem a construo histrica-social da sexualidade se entrelaam direta e indiretamente com a questo de gnero. Com o intuito de compreender a forte ligao que h entre Educao, Educao Sexual e o Ensino do corpo no Ensino de Cincias, iniciamos estes dilogos histricos indispensveis que iro culminar no entendimento da constituio e consolidao das disciplinas acadmicas nos currculos dos cursos de Pedagogia.

Veja o artigo completo: PDF