Resumo Trabalho

QUANDO O DIREITO DE EXISTIR NEGADO, A PERMANNCIA NO CAMPO INSUSTENTVEL: AS CERCAS QUE DIVIDEM A DIVERSIDADE SEXUAL

Autor(es): ALBA VALRIA NEIVA RODRIGUES e orientado por PRISCILA GOMES DORNELLES e orientado por PRISCILA GOMES DORNELLES

Este trabalho prope analisar como os corpos so constitudos e concebidos no contexto do campo, a partir das categorias de anlise sexo, gnero e sexualidade. Para tanto, operamos com os estudos de gnero e feministas que pautam a heteronormatividade e tencionam a oposio binria que elege heterossexuais e homossexuais como categorias da sexualidade. A pesquisa ser desenvolvida no municpio de So Gabriel/Ba, localizado na regio de Irec e contar com a participao de dez sujeitos, cinco que permanecem em terras sertanejas e cinco que foram condicionados(as) a sarem de seu territrio devido a sua sexualidade. As normas regulatrias funcionam produzindo o binarismo como um modo de inteligibilidade e de possibilidade para os corpos. Epistemologia e poltica binria que constitui o que um corpo, sua posio social de humanidade e definindo quem tem legitimidade e aceitabilidade de permanecer no territrio campons, catingueiro e nordestino.

Veja o artigo completo: PDF