Resumo Trabalho

MODOS DE HOMENS NOS REGISTROS FOTOGRFICOS DE PIERRE VERGER

Autor(es): MARCOS FERREIRA GONALVES , MARCO ANTONIO MATOS MARTINS

Esta comunicao analisa a fotografia como fonte historiogrfica e sua interface com a dimenso cultural. Neste caso, os registros imagticos so da cidade do Salvador, realizados em meados dos sculo XX, e a opo de recorte so os retratos masculinos realizados pelo fotgrafo francs Pierre Verger. Salienta-se que o arquivo fotogrfico de Verger imenso, contemplando, alm de paisagens, registros de homens, mulheres e crianas. No geral so fotos que mostram o cotidiano da cidade, suas sociabilidades, suas tradies, como a Festa do 2 de Julho, um samba na Cidade Baixa, etc. Marcadamente so registros das camadas populares soteropolitana e acabam por desvelar os modos de vestir em um dado momento da histria. E importante destacar, e este foi o caminho escolhido, que Verger oriundo da sociedade francesa e nesta as vestimentas ou mesmo a moda, sempre ocuparam papel de destaque. Acreditamos que este aspecto sociocultural acabou por influenciar escolhas fotogrficas de Verger, posto que em vrias delas a roupa acaba por ocupar um lugar de centralidade. Vale recordar que a roupa um importante elemento das culturas, pois, como salientou Daniel Roche em A Cultura das Aparncias, as roupas revelam mesmo quando querem esconder. No por acaso a sociedade brasileira chama um vestido sem alas de Tomara que caia, o que parece revelar aspectos de uma cultura na qual a sensualidade est intricada no cotidiano, podendo aparecer inclusive no modo popular de se nomear uma vestimenta.

Veja o artigo completo: PDF