Resumo Trabalho

O (RES)SIGNIFICADO DO TRABALHO DAS EMPREGADAS DOMSTICAS APS A EMENDA CONSTITUCIONAL N72/2013: APROXIMAES EMPRICAS EM VITRIA DA CONQUISTA

Autor(es): THAIN SOARES RIBEIRO, RITA RADL PHILIPP e orientado por RITA RADL PHILIPP e orientado por RITA RADL PHILIPP

O presente trabalho tem como objetivo analisar o (res)significado do trabalho domstico aps a Emenda Constitucional n 72 de 2013. Para tanto, realizaremos entrevistas estruturadas com 5 (cinco) empregadas domsticas na regio de Vitria da Conquista, com o intuito de compreender o que significou essa emenda que equiparou os direitos das empregadas domsticas aos demais trabalhadores. Por conta da complexidade que colocada em funo das caractersticas do trabalho domstico: ser um trabalho desempenhado, na maioria das vezes, por mulheres, o seu vnculo com questes substanciais que envolvem a organizao social, como a diviso sexual do trabalho, a herana escravocrata do trabalho no espao privado brasileiro e a desvalorizao do trabalho reprodutivo, faz-se primordial compreender abordagens de estudo acerca dos conceitos, tais como, gnero, feminismo, trabalho, raa, classe social e memria, com o propsito de alcanar uma compreenso mais apurada e completa do objeto de estudo. Assim, nos empenhamos em estudar as principais caractersticas da ocupao domstica no Brasil, analisando o trabalho domstico em quase todas as suas dimenses, para questionar se uma lei capaz de ressignificar uma funo estruturada nos moldes de uma sociedade capitalista e androcntrica. Por fim, cabe mencionar que se trata de uma pesquisa em andamento. Logo, a concluso baseada na hiptese levantada de que a Emenda Constitucional n 72 de 2013, poder contribuir para uma disputa dentro do ambiente domstico, uma vez que balana as relaes harmoniosas nos moldes da construo de Gilberto Freyre da sociedade brasileira.

Veja o artigo completo: PDF