Resumo Trabalho

DISSIDNCIAS EPISTEMOLGICAS BRASILEIRA: UMA CARTOGRAFIA DAS TEORIZAES QUEER NA PESQUISA EM EDUCAO

Autor(es): DILTON RIBEIRO DO COUTO JUNIOR, FERNANDO ALTAIR POCAHY

A partir das experincias dissidncias de gnero e sexualidade que vm sendo produzidas ao sul da linha do Equador, reconhecemos a necessidade de fomentar discusses tericas que, longe de serem meramente incorporadas do Norte Global, possam ser desencadeadas a partir de epistemologias decoloniais, a partir de nosso lugar de origem que, academicamente, comumente reconhecido como de produo intelectual inferior. Interessa-nos aqui promover interlocues-cartogrficas a partir de nossas vivncias enquanto sujeitos latino-americanos vivncias marcadas pelo entrecruzamento de diversos marcadores sociais de identidade e diferena que nos constituem e nos impulsionam a (re)pensar nossas experincias cotidianas como sendo perifricas, mas tambm insurgentes, desobedientes. Diante disso, a proposta deste trabalho, fruto de pesquisa de ps-doutorado em andamento, mapear os usos e impactos dos efeitos epistemolgicos das contribuies queer na produo de conhecimento em educao no Brasil. Para isso, atravs dos possveis efeitos dos (des)arranjos terico-metodolgicos das teorizaes queer na pesquisa nacional, buscamos traar um plano (provisrio) que possa indicar algo da complexa trama por onde essas experimentaes epistemolgicas enredam-se no contexto da produo acadmica do campo de estudos de gnero e sexualidade, autoproclamadas e/ou interpeladas dissidentes.

Veja o artigo completo: PDF