Resumo Trabalho

“EU SOU ÍNDIO”! “EU NÃO EXISTO?”: UM RELATO DE EXPERIÊNCIA COM A EDUCAÇÃO DE JOVENS E ADULTOS

Autor(es): HILDENIA ONIAS DE SOUSA

Resumo: O livro didático é um subsídio que deve ser considerado e utilizado na prática do professor. Não obstante sabermos das limitações inerentes a esse suporte é necessário que o valorizemos e aproveitemos esse material que está nas mãos do aluno e que confere a ele uma certa autonomia de leitura, assim como de posicionamento crítico, face ao que nele é veiculado. O objetivo deste trabalho é apresentar um relato de experiência vivenciado na Educação de Jovens e Adultos. A leitura de textos de gêneros diversos, veiculada no livro didático, com foco para a leitura da lenda “Uiarapuru”, propiciou uma discussão que ultrapassou os limites da sala de aula e deu visibilidade ao discurso de um aluno, até então sem identidade revelada para a escola e para a sua sala de aula. Por meio das discussões realizadas a partir dos textos lidos, o aluno se autodeclarou índio e reivindicou seu direito de vez e voz na escola. O desdobramento dessa aula resultou no protagonismo do aluno, que teve a oportunidade de mostrar sua cultura, desenvolvendo palestras e oficinas para toda a comunidade escolar. Observamos, também como resultados dessa experiência o crescimento da interação da sala com o aluno, a confiança do aluno na escola em que ele estuda, o fortalecimento do trabalho do professor em consonância com os outros profissionais da escola como pedagoga, assistente social, psicóloga, gestores e demais profissionais que contribuíram para que se fizesse um evento no dia do índio, protagonizado por um índio.

Veja o artigo completo: PDF