Resumo Trabalho

O QUE HÁ DE NOVO: OS SUPORTES TECNOLÓGICOS DISPONÍVEIS PARA A OBRA DE MONTEIRO LOBATO E SUAS NOVAS POSSIBILIDADES DE EXPERIÊNCIA LEITORA

Autor(es): SIOMARA REGINA CAVALCANTI DE LUCENA, JOAES CABRAL DE LIMA, MÁRCIA JIORDANNY PONTES MONTEIRO

A contemporaneidade trouxe consigo o desenvolvimento das tecnologias da informação e da comunicação (TICs), o que está contribuindo sobremaneira para o aumento das possibilidades de experiências leitoras. Novos suportes tecnológicos se fazem presentes, assim como a conectividade e a troca de informações e, dentro desse contexto, é importante que os mediadores de leitura, como o professor, se atenham às alternativas existentes nesse sentido. Assim sendo, concordamos com Chartier (1998), o qual alerta que as esferas sociais ou institucionais organizam diversas formas de comunicação e mecanismos de compreensão para um determinado discurso, ampliando e conceituando o surgimento de diversos gêneros e suportes de escrita. Acreditamos que estamos exatamente em um momento histórico no qual o aparecimento de ditos suportes é crescente e vem acontecendo com bastante velocidade. Dentro desta realidade, é interessante observar também como obras clássicas, nomeadamente a obra de Monteiro Lobato, vêm se comportando nesse cenário tecnológico e como podem ser exploradas de forma a trazer para o leitor, com novos recursos, antigas riquezas. Assim sendo, é natural que nos indaguemos: Como a leitura da obra lobatiana vem dialogando com os leitores contemporâneos? Quais são os novos recursos tecnológicos disponíveis no mercado para a obra de Monteiro Lobato? Este trabalho responde a essas questões por meio de duas frentes de pesquisa de cunho exploratório e descritivo, sendo que uma delas foi realizada através de um levantamento bibliográfico dos anos 2015, 2016 e 2017, no portal de periódicos da Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES), a respeito da obra de Monteiro Lobato e uso da tecnologia como suporte para sua leitura e outra levada a cabo por meio de buscas na Google play®, App Store® e Amazon®, em busca dos suportes tecnológicos relacionados à obra lobatiana. Como resultado de nossa investigação, observamos que há poucos estudos que contemplem o referido tema, mas, por outro lado, há uma diversidade de recursos tecnológicos para a obra do pioneiro, o que, por conseguinte, pode aumentar as possibilidades de experiências leitoras dos que se dispuserem a desbravar esse novo universo.

Veja o artigo completo: PDF