Resumo Trabalho

A PRODUƇƃO E REPRODUƇƃO MATERIAL DO MUNDO SISTƊMICO DO ALTO OESTE POTIGUAR

Autor(es): MARIA ERLANE BEZERRA BESSA e orientado por ROSALVO NOBRE CARNEIRO

As configuraƧƵes espaciais do alto oeste potiguar, a partir do mundo da vida e mundo sistema, encontra-se estruturados nas interaƧƵes culturais, polĆ­ticas e econĆ“micas, no qual impƵe as mĆŗltiplas reproduƧƵes e produƧƵes materiais do Alto Oeste Potiguar. Sendo assim, propƵe-se compreender as transformaƧƵes/modificaƧƵes no espaƧo Ā– tempo da regiĆ£o entre o mundo cultural, o mundo da economia flexĆ­vel e mundo do estado neoliberal a partir do recorte dos dados coletados do projeto PIBIC 2017/2018 da UERN denominado: espaƧo, mundo da vida e mundo do sistema no alto oeste potiguar com orientaĆ§Ć£o do professor Rosalvo Nobre Carneiro. Dentro deste contexto, percebemos que as manifestaƧƵes culturais na regiĆ£o estĆ£o ligadas em quase sua totalidade aos festejos religiosos e datas comemorativas de emancipaƧƵes municipais, que por sua vez depende dos recursos municipais, e assim transformando os festejos culturais em plataformas polĆ­ticas do estado neoliberal, o qual destacamos os polĆ­ticos dos partidos tradicionais, isto Ć© DEM, PSD e PMDB, atual MDB. Ainda percebemos que as economias destes festejos trazem modificaƧƵes espaciais no setor de prestaĆ§Ć£o de serviƧos, tais como: barracas de alimentos, parque de diversĆ£o e outros comĆ©rcios temporĆ”rios. Portanto, conclui-se que as reproduƧƵes e produƧƵes materiais do espaƧo Ā– tempo no alto oeste potiguar nos levar a compreender o funcionamento dos mundos sistĆŖmicos sociais, no qual possibilita planejar e executar aƧƵes desenvolvimento do espaƧo cultural pesquisado.

Veja o artigo completo: PDF