Artigo E-book 1: I CONIMAS e III CONIDIS/2019

E-books

ISBN: 978-65-86901-10-8 

DISTRIBUIÇÃO ESPACIAL E TEMPORAL DA COMUNIDADE FITOPLANCTÔNICA NA BACIA DO RIO PARAÍBA E SUA RELAÇÃO COM O ESTADO TRÓFICO

Palavra-chaves: RESERVATÓRIOS, EUTROFIZAÇÃO, SEMIÁRIDO, QUALIDADE DE ÁGUA, CIANOBACTÉRIAS E-book AT 05: Gestão, Qualidade e Acesso às Águas Publicado em 12 de junho de 2020

Resumo

A COMUNIDADE FITOPLANCTÔNICA PRESENTE NOS AMBIENTES AQUÁTICOS SERVE COMO FERRAMENTA DE MONITORAMENTO DE QUALIDADE DE ÁGUA, TRAZENDO RESPOSTA QUE PODEM ALERTAR E PREVENIR ACONTECIMENTOS GRAVES QUE VENHAM A FERIR A INTEGRIDADE NOS ÂMBITOS SOCAIS, ECONÔMICOS E ECOLÓGICOS. ASSIM, ESTE TRABALHO TEM COMO OBJETIVO ANALISAR A COMUNIDADE FITOPLANCTÔNICA COMO BIOINDICADORES DA QUALIDADE DA ÁGUA, E SUA RELAÇÃO COM O ESTADO TRÓFICO. O ESTUDO FOI REALIZADO EM QUATRO RESERVATÓRIOS LOCALIZADOS NA BACIA DO RIO PARAÍBA (ACAUÃ, BOQUEIRÃO, CAMALAÚ E POÇÕES), NO PERÍODO DE UM ANO, TOTALIZANDO QUATRO AMOSTRAGENS. FORAM COLETADAS AMOSTRAS DE ÁGUA PARA ANÁLISE DE FÓSFORO TOTAL E CLOROFILA-A, E SUAS CONCENTRAÇÕES UTILIZADAS PARA O CÁLCULO DO ÍNDICE DE ESTADO TRÓFICO (IET). AMOSTRAS DE ÁGUA TAMBÉM FORAM COLETADAS PARA IDENTIFICAÇÃO E CONTAGEM DA COMUNIDADE FITOPLANCTÔNICA. A COMUNIDADE FITOPLANCTÔNICA FOI DIVIDIDA EM QUATRO CLASSES: CYANOPHYCEAE, BACILLARIOPHYCEAE, CHLOROPHYCEAE E EUGLENOPHYCEAE. A CLASSE CHLOROPHYCEAE APRESENTOU A MAIOR RIQUEZA DE ESPÉCIES, CHEGANDO A APRESENTAR 22 ESPÉCIES EM UM MÊS DE AMOSTRAGEM NO RESERVATÓRIO POÇÕES. A CLASSE CYANOPHYCEAE APRESENTOU A MAIOR DENSIDADE E DOMINÂNCIA SOBRE OS DEMAIS GRUPOS ALGAIS NA MAIORIA DOS MESES AMOSTRADOS EM TODOS OS RESERVATÓRIOS. APENAS O RESERVATÓRIO POÇÕES CHEGOU A APRESENTAR ALTA DIVERSIDADE E PARA OS DEMAIS A DIVERSIDADE FOI CONSIDERADA MÉDIA. O IET, MOSTROU QUE HOUVE UM AUMENTO DO ESTADO DE TROFIA DOS RESERVATÓRIOS DURANTE O PERÍODO DE ESTUDO, SENDO PERCEPTÍVEL ESPECIALMENTE NOS RESERVATÓRIOS ACAUÃ E POÇÕES, QUE PASSARAM RESPECTIVAMENTE DE EUTRÓFICO E MESOTRÓFICO, PARA HIPEREUTRÓFICO. O RESERVATÓRIO BOQUEIRÃO MANTEVE-SE MESOTRÓFICO, ENQUANTO QUE O RESERVATÓRIO CAMALAÚ PASSOU DE MESOTRÓFICO PARA SUPEREUTRÓFICO.

Compartilhe:

Visualização do Artigo


Deixe um comentário

Precisamos validar o formulário.