Artigo Anais IV DESFAZENDO GÊNERO

ANAIS de Evento

ISSN: 2447-2190

Visualizações: 218
MOVIMENTO FEMINISTA EM CONEXÃO COM MULHERES INDÍGENAS

Palavra-chaves: FEMINISMO, ECOFEMINISMO, MULHER INDÍGENA, TRANSFORMAÇÃO SOCIAL Comunicação Oral (CO) ST 11: FEMINISMOS E DISSIDÊNCIAS: RESISTÊNCIAS AO (CIS)TEMA – CAPITALISTA, BRANCO E EURONORTEAMERICANO-CENTRADO

Resumo

NESTE TRABALHO SERÁ APRESENTADO O RELATO DE EXPERIÊNCIA DA FORMAÇÃO FEMINISTA QUE HOUVE NOS DIAS 6 E 7 DE SETEMBRO DE 2018 COM AS MULHERES INDÍGENAS DA ALDEIA DE PANKARARU NO MUNICÍPIO DE TACARATU/PE. O OBJETIVO PRINCIPAL DESSA ATIVIDADE É COMPREENDER O QUE É, COMO SURGIU E QUAL A IMPORTÂNCIA DO FEMINISMO E ECOFEMINISMO PARA A TRANSFORMAÇÃO DA REALIDADE SOCIAL DAS INDÍGENAS DE PANKARU NO ENFRENTAMENTO DO PATRIARCADO E PRESERVAÇÃO CULTURAL E ECOLÓGICA DA ALDEIA. PARA TANTO, FAZEMOS UM RESGATE DA PRODUÇÃO BIBLIOGRÁFICA EM TORNO DESSA TEMÁTICA ABORDANDO ASPECTOS HISTÓRICOS, CONCEITUAIS E CARACTERÍSTICAS EM TORNO DESSE CONTEÚDO, INCREMENTANDO AINDA, COMO PARTE DA METODOLOGIA PROPOSTA, OS RESULTADOS QUALITATIVOS DA FORMAÇÃO FEMINISTA INDÍGENA COM ENTREVISTA SEMIESTRUTURADA DAS MULHERES INDÍGENAS E SUAS EXPERIÊNCIAS NO MOVIMENTO ECOFEMISTAS. PARA CONCLUIR, NAS CONSIDERAÇÕES FINAIS, FAZEMOS UM BALANÇO POSITIVO DA CONEXÃO ENTRE O MOVIMENTO FEMINISTA E O MOVIMENTO ECOLÓGICO DE COMUNIDADES TRADICIONAIS INDÍGENAS NO BRASIL.

Compartilhe:

Visualização do Artigo


Deixe um comentário

Precisamos validar o formulário.